Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
ONLINE
4




Partilhe esta Página

 

www.aetassentos.com

 


Início

 

 

 

 

Peter Dranga - Vida

0_afef8_cc08c937_XL (536x328, 974Kb)

Alma Gort  em poema

A cada cem anos uma geração detona, e a herança acumula-se no eixo do próximo tempo sem nunca encontrar o sentido. 

 
I am HERE!https:www.artzsale.com
              13_10.png MEDICINA NATURAL
 
13_5.pngClicar

 

 

 

 
Alma Gort
 
Texto


Amazonas 

Onda verde nestes versos,
Entretanto canto o inverso.
O brado da mata em chamas,
na selvagem mata amazonas.
 
Rios, cascatas e ciprestes,
Cheios de muitos mistérios,
Animais,mata e minérios,
usurpados e roubados dela.

 
Índios na selva de amazonas,
Canta chora  a morte errada,
A chuva e trovoada que berra
Num canto de cobra criada.
 
Lá dentro é mata fechada,
Quem entrar prepare a queda,
No medo e na galopada,
Pois somem dentro da goela.
 
Amazonas é mata fachada!
 Brasil olha os olhos da mata
Protege esta aquarela,
Jardim da terra ocupada.
 
Rica de minérios preciosos,
Escondidas minas de pedras,

Flora que cura mestiços
 Que exploram e sequestram.
 
Amazonas selva imensa,
Se ficar o bicho come,
Se correr o bicho pega,
Se explorar se esparrela,
Só gringo que entra nela. 
 
Exploradores em guerra,
Usurpam e roubam esta terra.
A saga do teu encanto,
Roubo e morte entretela.
 
Pulmão do mundo em  pureza,
Esconde os muitos machados,
E as maquinas serradeiras,
Queimadas mortes e caçadas,
Num mundo imundo em rudeza.
 
Amazonas Brasil floresta.
Será que esperança resta?
Alertamos os governos internacionais,
Para preservação da Floresta Amazônica.
Que e por certo um patrimônio do mundo.
 
Alma Gort